AESO - Faculdades Integradas Barros Melo






Vaquinha em alta: estudante inicia projeto após campanha de financiamento coletivo na web


Produção Fonográfica
dezembro. 21, 2018

Conhecida como crowdfunding, a ação capta recursos e estreita os laços entre produtor cultural e público

Por meio de campanhas de crowdfunding, muitos planos têm saído do papel. Esse tipo de financiamento coletivo é uma prática relativamente nova no Brasil, mas que, cada vez alcança mais adeptos que se rendem a essa forma de arrecadar fundos para realização de projetos.
 
 Com a proposta de usar a internet como forma de captação de incentivos para trabalhos audiovisuais, os alunos do curso de Produção Fonográfica da AESO-Barros Melo realizaram campanhas no site catarse.me. A ação faz parte da disciplina de Produção, Divulgação e Distribuição de Música na Internet.

O estudante Marco Antônio d'Almeida já havia pensando em realizar a oferta no site, mas só colocou a ideia em prática após a proposta feita em sala de aula: “Achei que ia ser um bom início, já que estava com vontade de gravar o meu EP autoral. Quando surgiu a oportunidade, na cadeira, de fazer o financiamento, eu abracei. E deu bastante certo”. O projeto conseguiu arrecadar o valor de R$1.700, que vai viabilizar a execução do plano pensado pelo aluno. 

Como recompensa pela ajuda, d'Almeida ofereceu aos doadores camisetas com a arte do EP; cadernos feitos por ele, à mão; pôsteres personalizados; o envio de faixas de áudios exclusivas, antes do lançamento da obra e até o próprio o disco.
 
 Segundo Ricardo Maia, coordenador do curso de Produção Fonográfica das Faculdades Integradas Barros Melo, “na plataforma,  o produtor cultural consegue financiar a gravação de projetos, realização de evento ou turnê lidando diretamente com o público, que acaba se sentindo mais envolvido com o artista e fazendo parte da construção daquele produto”, analisa Maia.
 
 Confira a campanha de crowdfunding que foi desenvolvida pelo universitário Marco Antônio d'Almeida clicando AQUI.

aeso - barros melo - produção fonográfica - web - crowdfunding -

voltar